• 16 de Outubro de 2020
  • Comentário(s)

  • 16 de Outubro de 2020
  • Comentário(s)

  • 16 de Outubro de 2020
  • Comentário(s)

Aluguel de casa em condomínio: como funciona?

Uma pergunta bastante rotineira que requer bastante conversa e conhecimento da legislação para a resposta. Sabemos que, viver em uma casa em condomínio é um privilégio e requer bastante investimento. Geralmente, os condomínios de casas formam minibairros que contemplam excelentes áreas de lazer, boa segurança, funcionários capacitados, entre outras coisas.

A respeito da relação entre inquilino e locador sobre o aluguel dessas casas, o assunto é bastante amplo. As casas para alugar geralmente são anunciadas e rapidamente surgem os interessados, que devem cumprir todas as especificações em contrato, para que seja possível a finalização do acordo. Lembramos que, o aluguel de casa em condomínio é uma prática bastante comum e não deve ser levada como uma coisa dificil de ser realizada, mesmo com o condomínio estando no meio das negociações.

Nessa publicação falaremos um pouco sobre esse assunto e quais os melhores métodos para conseguir um aluguel de uma casa em condomínio, de uma maneira bem fácil e prática. Vale destacar que, atualmente existem diversos aplicativos e sites de aluguéis, que devem ser observados com bastante atenção, para não cair em possíveis fraudes.

Como funciona o aluguel de casa em condomínio?

O aluguel de casa em condomínio funciona de uma maneira bastante simples, que visa minimizar os possíveis transtornos de inquilinos e locadores. O acordo entre ambas as partes deve ocorrer através de um contrato, seja feito de maneira particular ou através de imobiliárias.

Sendo assim, se o inquilino cumprir todos os pontos do contrato, ele é assinado e ambas as partes ficam responsáveis por suas atribuições. Destacamos que, como é bastante comum o anúncio de imóveis em condomínios, é bastante interessante o conhecimento e leitura dos contratos, para que tudo fique bastante claro e evite futuros aborrecimentos.

aluguel_de_casa


Quais as despesas de responsabilidade do inquilino e do locador?

Uma dúvida bastante recorrente sobre as despesas e suas responsabilidades, é sobre o que cabe ao inquilino e o que cabe ao locador pagar. Para deixar tudo mais claro, falaremos sobre isso agora.

O inquilino é responsável pelo pagamento das despesas ordinárias, aquelas que são do cotidiano, como salários de funcionários, água, luz, manutenção, entre outras coisas. Já o locador, fica responsável pelas despesas extraordinárias, aquelas despesas que não são rotineiras, como obras de reforma do condomínio, indenizações trabalhistas, entre outras coisas.

Sendo assim, é bastante simples ter o conhecimento da responsabilidade de cada um, a fim de evitar possíveis problemas futuros.

Quais as vantagens de morar em um condomínio de casas?

Um sonho que muita gente tem é morar em grandes condomínios de casas, no qual a segurança e o bem-estar são bastante elevados. Esses condomínios tentam retratar da melhor maneira possível, um dia a dia seguro e prazeroso para o morador, no qual pode desfrutar de todas suas instalações. Destacamos que, os condomínios de casas variam bastante em relação aos seus padrões, sendo alguns com casas bem luxuosas, no qual o dono do imóvel deve seguir alguns padrões para a construção de sua casa no local.

Como característica, a maioria dos condomínios de casas trazem um contato maior com a natureza e podem oferecer uma tranquilidade maior para o morador, fugindo bastante do barulho dos grandes bairros. Nesse aspecto, é bastante recomendado os condomínios de casas para famílias com filhos e pessoas com mais idade, por conta da grande comodidade e opções de socialização dentro do próprio local.

Sendo assim, vale a pena investir em aluguéis nessas regiões, pois os benefícios adquiridos também devem ser levados em conta, pois qualidade de vida associada a segurança em tempo integral não tem dinheiro que pague.


Comentários