• 22 de Setembro de 2020
  • Comentário(s)

  • 14 de Setembro de 2020
  • Comentário(s)

  • 08 de Setembro de 2020
  • Comentário(s)

Covid-19: cuidados com o condomínio comercial

O número de casos confirmados do coronavírus está aumentando, e devido a isso a população está adotando algumas medidas para se proteger. Estamos vivendo um momento delicado, onde vemos várias cidades fechadas, isto é, só o comércio essencial como, farmácia e hospital, estão abertos. 

A Covid-19 trouxe muitas mudanças para a nossa rotina, onde precisamos de isolamento físico para assegurar a saúde e evitar a propagação do vírus. Por isso, escolas estão fechadas, houve a implantação do home office para a maioria das pessoas e criação de novas normas para os condomínios, sejam eles comerciais ou residenciais. Além disso, há um decreto que determina o uso de máscaras em espaços públicos. 

Estamos a mais de 60 dias adequando os nossos hábitos para combatermos o coronavírus. Pode-se perceber que algumas cidades por terem agido rápido, por terem respeitado as regras e por terem números baixos de casos confirmados, já estão adotando a flexibilização. Isso é, parte do comércio pode ser reaberta, desde que sejam seguidas as orientações dadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Secretária de Saúde. 

Um exemplo de cidade que aderiu a flexibilização foi Belo Horizonte, que adotou o regime no dia 25 de maio. Com isso, salões de beleza, perfumarias, esmalterias, loja de peças de carro e entre outras, podem ser reabertas. Muitos desses estabelecimentos se encontram dentro de condomínios comerciais, que contam com um grande número de circulação de pessoas, e que necessitam ter atenção e cuidados redobrados. 

E como controlar e diminuir a proliferação do vírus dentro do condomínio? Quais medidas devem ser tomadas? Continue lendo o artigo e veja as práticas que devem ser adotadas no seu dia a dia. 

Algumas mudanças na rotina dos condôminos e da equipe de trabalho dos condomínios são necessárias para inibir ou impedir o surgimento da doença dentro do espaço comum, o que automaticamente contribui para o controle da pandemia.

cuidados-com-o-condominio-comercial


Medidas de combate ao coronavírus em condomínios comerciais

Para o bom funcionamento e segurança de todos os condôminos, é fundamental que haja a colaboração de todos e o respeito das regras estabelecidas. É necessário, que nesse momento, haja o cumprimento das normas em áreas comuns do condomínio. A presença do síndico nesse momento é muito importante, visto que é de sua responsabilidade vistoriar e fiscalizar a obediência quanto às determinações.

Sabe-se que há uma maior circulação de pessoas em um condomínio comercial, exigindo assim um maior cuidado dos gestores. Por isso, é essencial que o bem estar, a segurança e saúde de todos sejam visados, na hora das tomadas de decisões. 

Para proteger os condôminos, os funcionários e os visitantes é necessário a adoção de algumas medidas preventivas de combate a Covid-19. 

O que fazer para proteger seu condomínio:

- Instrua todas as pessoas a fazerem a utilização de máscaras em ambientes comunitários. 

- Não utilize aparelhos de ar condicionado, eles ajudam na proliferação do vírus. Por isso, dê preferência ao uso das janelas e deixe os ambientes mais ventilados. 

- Disponibilize a todas as pessoas, antes de entrarem em elevadores ou escadas, álcool em gel de 70% de teor, tolhas descartáveis e lixeiras que sejam acionadas pelo pedal. 

- Aumente a higienização do seu condomínio comercial. Use água com sabão, alvejantes, álcool ou água sanitária para a realização da limpeza. Locais como hall de entrada, elevadores, escadas e banheiros, devem ser desinfetados mais de uma vez ao dia. Isso inclui também, maçanetas, corrimões, botões de elevadores, interruptores e outros. 

- Ofereça e estabeleça aos prestadores de serviço do condomínio, a utilização obrigatória da equipamentos de proteção, como: luvas, máscaras, aventais e toucas conforme as atividades a serem realizadas por eles. 

- Crie barreiras de distanciamento de pelo menos dois metros, que resguardem e protejam aqueles funcionários que ficam mais expostos, como, os porteiros. Para isso, você pode isolar o local com fitas.  

- Faça a higienização dos bebedouros regularmente utilizando o álcool 70%. Já aqueles bebedouros onde há proximidade entre a boca e o dispensador de água, deverão ser desligados. Isso ajudará a evitar a proliferação do vírus, uma vez que ele é propagado pela saliva. 

- Crie escalas de trabalho alternativas para os funcionários do condomínio. Para diminuir o fluxo de pessoas, e quando possível, oriente o trabalho remoto, mais conhecido como home office. 

- Se comunique com os seus condôminos utilizando a internet (os meios digitais) ou use o telefone. Não convoque assembleias presenciais nesse momento! 

- Libere os funcionários de risco, com mais de 60 anos ou que tenham alguma doença crônica.

- Estabeleça procedimentos quanto ao delivery. Como, solicitar que o condômino pegue seu pedido fora do condomínio ou pedir para que os entregadores higienizem as mãos com álcool, antes de subirem.

- Não se esqueça da segurança do seu condomínio, pois apesar de enfrentarmos uma pandemia, não estamos imunes a violência e aos assaltos. Por isso, verifique a identidade e idoneidade de pessoas que dizem ser funcionários do governo, da saúde, da vigilância sanitária. Não se esqueça de checar também os prestadores de serviços. 

Nós da Casa, estamos juntos com vocês no combate a pandemia. Não, se esqueçam: todos somos responsáveis na erradicação da propagação do coronavírus. É um momento que exige consciência, responsabilidade, respeito e solidariedade. Vamos pensar no próximo. E lembrem-se, quanto maior a aderência das normas e orientações, mais rápido retornaremos para as nossas rotinas.

Gostou do artigo? Então, acesse o nosso blog e veja outros conteúdos relevantes para o seu condomínio e que auxiliarão no combate ao coronavírus. 


Comentários