• 22 de Janeiro de 2021
  • Comentário(s)

Auditoria de condomínio: como solicitar

Morar em um condomínio pode ser sinal de segurança, tranquilidade e bem-estar, porém há diversas ocasiões que você deve estar atento para que tudo ocorra de maneira honesta dentro dele. Um dos pontos principais dentro de um condomínio é a respeito de sua saúde financeira, sendo importante toda a atenção por parte dos condôminos e do síndico.

A saúde financeira de um condomínio impacta diretamente nas melhorias que podem acontecer no local e na manutenção de tudo, desde o pagamento de contas como de água e gás, até o pagamento de funcionários de serviços gerais. Já imaginou seu condomínio não ter finanças para suprir todas essas obrigações? O problema pode ser grave.

Nesse artigo, falaremos sobre a auditoria de condomínio e como é possível solicitar uma, assim que surge alguma suspeita ou má conduta da administração.

Quais são os tipos de auditorias de condomínio?

Nesse âmbito, existem dois tipos de auditorias que levamos em conta. A auditoria preventiva, é aquela realizada a partir de alguma suspeita de irregularidade, sendo bastante recomendada. Esse tipo de auditoria é mais tranquila e investiga possíveis ações da administração.

Já a auditoria emergencial, é realizada quando o ato de irregularidade já aconteceu, quando há algum desvio de dinheiro, entre outras coisas. Nessa auditoria busca-se o culpado do caso, sendo investigados todos os fatos anteriores.

Desse modo, para que um condomínio prossiga sem irregularidades e desvios, é sempre necessário transparência e profissionalismo na gestão.

Como solicitar uma auditoria de condomínio

Seja o condômino que queira solicitar uma auditoria, é necessário fazer o pedido juntamente com a assembleia do condomínio, sendo repassado todas as suas dúvidas e o que quer que seja auditado. Sendo assim, aprovado na assembleia, a auditoria pode acontecer de maneira normal.

A auditoria de condomínio deve ser realizada por profissionais da área contábil, com registro CRC e com especialização em condomínios. Caso a auditoria de condomínio seja realizada por alguma pessoa sem a especialização ou de maneira incorreta, ela se torna invalida e é anulada.

Há casos em que, na auditoria, é necessário consultar diversos estabelecimentos que o condomínio tenha vínculos, para vistoriar possíveis irregularidades, como pagamentos por fora, atitudes de má fé, entre outros detalhes.

auditoria-de-condominio

Auditoria de condomínio e sua necessidade

De modo geral, a necessidade de se realizar uma auditoria de condomínio é de extrema importância em alguns casos, no qual a saúde financeira do condomínio possa estar em perigo. Em casos em que, a antiga administração já tenha prejudicado o condomínio, as atitudes da auditoria devem vir com punições e multas.

Sempre que buscar um ambiente seguro e financeiramente estável, é necessário estar por dentro de tudo e saber como a administração trata todas as finanças do local, sem irregularidades e regalias. O prejuízo para o condomínio pode se refletir em um prejuízo para os condôminos futuramente.

Importância da transparência na administração 

As auditorias de condomínio são bastante importantes em momentos conturbados ou em que aja alguma suspeita de irregularidade. Em relação a administração, é sempre recomendado a transparência em todas as operações, marcações de entrada e saída de caixa, entre outras coisas.

Uma coisa muito comum de acontecer nos condomínios, é a falta de organização. Com isso, perde-se inúmeros papeis importantes, realizando mistura de valores, entre outras coisas, prejudicando todo o processo.

Sempre que forem auditadas, com as informações e documentos em mãos, a situação fica mais tranquila e pode se resolver mais rapidamente. Vale lembrar que, quando realmente algo de irregular aconteceu, após a auditoria e conclusão do caso, os culpados sofrem punições e podem sofrer ações judiciais, sendo o condomínio ressarcido em alguns casos.


Comentários